Saia da rotina sem prejudicar a dieta

18 de dezembro de 2015
Curiosidades
0Comentários

Opções saborosas não pesam na balança e garantem cardápio equilibrado.
Bateu a hora do almoço no relógio e lá está ela no prato de todos os brasileiros. Rica em nutrientes e energia, a dupla arroz com feijão é quase unanimidade nas cozinhas dos quatro cantos do país e não tem novidade gastronômica que a desbanque.
“O arroz é um cereal e fonte de carboidratos. Já o feijão, uma leguminosa rica em proteínas. É a combinação ideal para quem quer manter uma dieta nutritiva e equilibrada. Além de saborosos, eles se completam e deixam a refeição turbinada”, explica a nutricionista Roberta Stella.
Mas, para quem não é tão chegado nessa combinação (e acaba montando um prato desequilibrado) ou quer dar uma variada no cardápio sem comprometer a saúde, é possível substituir a dupla por outras que oferecem os mesmos nutrientes e não comprometem o regime:
“O ideal é escolher opções que façam parte do mesmo grupo alimentar para evitar perdas”, explica Roberta. “Entre os cereais e tubérculos, boas opções são a batata e a mandioca. Já no grupo das leguminosas, encontramos lentilha, soja e grão de bico”. Confira as opções de substituição para a dupla arroz com feijão para te ajudar a perder peso.
Arroz com Lentilha
A lentilha corresponde a um alimento de elevado valor nutricional, pois contém proteína, alto teor de fibras e pouca gordura. É rica também em vitaminas, especialmente do complexo B como ácido fólico, minerais como magnésio, fósforo e potássio, além de ferro e cobre.
Lentilha cozida: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 0
Calorias: 22 Kcal
Carboidratos: 3,2 g
Proteínas: 1,4 g
Gorduras: 0,1 g
Fibras: 0,2 g
Arroz integral cozido: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 1
Calorias: 31 Kcal
Carboidratos: 6,4 g
Proteínas: 0,6 g
Gorduras: 0,2 g
Fibras: 0,7 g
O arroz integral é mais saudável que o branco, pois vai para a panela sem passar por nenhum processo de industrialização pesado, conservando suas qualidades nutritivas e energéticas. Outra característica é a presença de um alto teor de fibras, que auxiliam na saciedade, redução do colesterol e da ansiedade.
Batata com feijão branco
Rica em carboidratos, a batata é grande fonte de energia. Contém ainda sais minerais, vitamina C e, em pequenas quantidades, vitaminas do Complexo B.
Esses nutrientes, porém, podem ser perdidos no cozimento, por isso, realize o cozimento em pouca água e depois aproveite o caldo em sopas e risotos.
Batata picada cozida: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 0
Calorias: 15,6 Kcal
Carboidratos: 3,6 g
Proteínas: 0,4 g
Gorduras: 0 g
Fibras: 0,4 g
Feijão branco cozido: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 1
Calorias: 22 Kcal
Carboidratos: 3 g
Proteínas: 1,2 g
Gorduras: 0,6 g
Fibras: 1,5 g
O feijão branco é rico em fibras, que auxilia no emagrecimento, através do aumento da saciedade, contribui para reduzir os níveis de colesterol e triglicérides no sangue, além de regularizar o sistema intestinal. Contém minerais como ferro, cobre, magnésio e fósforo e tem baixo teor calórico.
Mandioca + grão de bico
A mandioca é excelente fonte de carboidratos, cálcio e fósforo. Possui também uma boa quantidade de vitamina C e de fibras que ajudam a saciar a fome.
Porém, como todo carboidrato, deve ser consumida com certa cautela por seu teor calórico mais elevado.
Mandioca picada cozida: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 1
Calorias: 35,7 Kcal
Carboidratos: 8,7 g
Proteínas: 0,2 g
Gorduras: 0,1 g
Fibras: 0,5 g
O grão-de-bico é um alimento mais rico do que o feijão em muitos aspectos. Entre 20 e 30% de sua constituição é pura proteína. Possui muitas fibras, zinco, potássio, ferro, cálcio e magnésio.
Se for consumido todos os dias, faz ganhar massa muscular e aumenta o bom-humor.
Grão de bico cozido: 1 colher (sopa) cheia
Pontos: 1
Calorias: 36 Kcal
Carboidratos: 6 g
Proteínas: 2 g
Gorduras: 0,6 g
Fibras: 1,1 g
Mandioca com soja
A soja se destaca como um dos alimentos mais completos e versáteis do cardápio atual. Considerada um alimento funcional, ela fornece diversos nutrientes benéficos ao organismo, como ferro, potássio, fósforo, cálcio, e vitaminas do complexo B.
Seu consumo é cada vez mais recomendado, principalmente para as mulheres. Isso porque ela é rica em isoflavonas, substâncias antioxidantes que exercem uma forte atividade hormonal e amenizam os sintomas da menopausa.
Soja cozida: 1 colher (sopa)
Pontos: 1 Calorias: 34,6 Kcal
Carboidratos: 2 g
Proteínas: 3,3 g
Gorduras: 1,8 g
Fibras: 1,25 g
Fonte: Minha Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos que você pode gostar

No final de semana do feriado da Proclamação da República, o Mercado Municipal de Curitiba ...
9 de novembro de 2020
Mais de 20 pratos com preços promocionais e receitas inspiradas nos quatro cantos do mundo. Pela ...
13 de outubro de 2020
O câncer de mama é o mais frequente entre as mulheres brasileiras, com quase 60 mil casos por ...
12 de outubro de 2020
Open chat