Grupo sanguíneo influencia na saúde do cérebro.

9 de junho de 2015
Saúde e Bem-Estar
0Comentários

Uma reportagem publicada recentemente na revista Mente Cérebro mostra um estudo divulgado pela Universidade de Vermont, nos Estados Unidos, que concluiu que o grupo AB, tipo sanguíneo de menos de 10% da população mundial, tem maior risco de declínio cognitivo com o envelhecimento.
Crianças com sangue tipo O podem apresentar maior risco de transtorno de déficit de atenção.
Para a pesquisa, foram analisados durante 8 anos os dados de mais de 30 mil pessoas com mais de 45 anos. Os voluntários tiveram que responder duas vezes por ano perguntas relacionadas a seu emprego, como memória de trabalho e flexibilidade cognitiva, que são importantes, por exemplo, para a aprendizagem.
De um grupo de menos de 500 voluntários, os pesquisadores descobriram que aqueles com sangue AB apresentam 82% de chances a mais de apresentar prejuízos cognitivos em relação àqueles com o tipo A, B ou O.
Outros estudos sugerem associações entre o tipo sanguíneo e transtornos mentais, embora ainda não sejam evidências consistentes. Veja abaixo algumas relações apontadas, de acordo com o grupo sanguíneo:
TIPO O: Maior propensão para desenvolver depressão e ansiedade grave; crianças podem apresentar maior risco de transtorno de déficit de atenção
TIPO A: Maiores probabilidades de transtorno obsessivo-compulsivo (TOC); além de tendência ao TDA em crianças.
TIPO B: Risco de TDA pode ser menor nesse tipo.
 
Fonte: Catraca Livre e UOL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos que você pode gostar

Na quinta-feira, dia 14 de abril, o Mercado Municipal abre das 8h às 18h. Na sexta-feira, 15 de ...
11 de abril de 2022
Evento para quem produz e para quem ama queijo terá programação com cursos,análises sensoriais e ...
30 de março de 2022
Nesta terça -feira, 8 de março, o Mercado Municipal de Curitiba realiza a ação Acerte o Alvo, em ...
7 de março de 2022